Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

SNTNELA

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Quem roubou você de mim?

26
Jun18

Quem roubou você de mim?3339668_1920.jpgPalavras jogadas ao vento,

diz sim a tudo sem se quer saber do que se trata,

sua atenção esta em tudo menos em mim,

por te amar, não discuto, não adiantaria.

Desesperadamente tento reconquistar o teu amor,

procuro estar sempre bonita para chamar tua atenção,

mas sinto que teus olhares já não me pertencem. 

Não me procuras como mulher, 

viras para o lado e dormes,

choro quietinha no meu canto,

o ciúmes atormenta o meu sono,

imagino cenários noites inteiras,

quero confrontar te, tenho medo...

sinto que nosso tempo esta acabando,

e não quero adiantar as coisas,

espero que seja uma fase má,

uma aventura, apenas ilusão e que passe,

finjo não saber o evidente para ganhar tempo,

 ganhar novamente o seu querer,

estou a perder mas não sou capaz de desistir,

lutarei até o fim, quero teu amor de volta.

A dor da traição é como uma lâmina enfiada nas costas,

mas perder te é como a dor da morte. 

 

Pesadelo

26
Out16

Pesadelo-394176_960_720.jpg

 Sonhei que te amava,

e que seu amor não era meu,

a angustia era tamanha,

o meu corpo é que sofreu,

a escuridão se instalou,

o medo me consumiu,

os olhos não acreditaram,

nos braços de outra te viu.

 

Teus olhares não eram meus,

teu beijo não me pertencia,

Perdi o controle sobre mim,

gritava e ninguém me ouvia,

uma realidade estranha,

num desespero sem fim,

corria ao teu encontro,

sem nunca chegar enfim,

 

O sofrimento era tão real,

chocante e aterrador,

não existir para você,

era um filme de terror,

senti o meu corpo a cair,

lentamente  em um espaço sem fim,

cada segundo era eterno,

dos ciúmes que tinha de ti,

 

Acordei assustada,

ao meu lado você estava,

nunca sentira tamanho alivio,

enquanto eu te beijava.

em prantos contei te tudo,

entre soluços e palavras,

me abraçavas a repetir,

que por outras não me trocavas.